sábado, 1 de março de 2014

No Brasil não existe racismo

Daí o cidadão chega no salão de embarque internacional de um aeroporto e constata que, embora o recinto esteja cheio, não há nele nem um só indivíduo negro. Nenhunzinho para contar história.

Mas deve ser coincidência.

2 comentários:

António Jesus Batalha disse...

Blog encantador,gostei do que vi e li,e desde já lhe dou os parabéns, também agradeço por partilhar o seu saber,mas isso do aeroporto não quer dizer que seja racismo, quando tive em Angola fui a uma festa em que eu era o único branco, mas é estranho no aeroporto ser tudo branco, se desejar visitar o Peregrino E Servo, ficarei também radiante
e se desejar seguir faça-o de maneira que possa encontrar o seu blog, porque irei seguir também o seu blog.
Deixo os meus cumprimentos, e muita paz.
Sou António Batalha.

Yúdice Andrade disse...

Muito obrigado por sua gentil avaliação, António. Visitarei seu blog, com certeza. Só estou acessando a internet raramente, por causa das férias.
Um abraço.