terça-feira, 16 de julho de 2013

Dracãojé

Júlia me entrega um desenho para pintar. Explica que é um cowboy, montado em um cavalo, que vai enfrentar um dragão. Aí eu pergunto onde estão as asas do dragão, porque dragões voam e para isso precisam de asas.

— Este dragão não tem asas, pai. Ele é parente do jacaré, por isso fica só andando de um lado para outro. É um dracãojé!

Boa sorte, cowboy!

Um comentário:

Emy Mafra disse...

Muito inteligente essa garota! É claro que ia ser desigual enfrentar um dragão com asas para o cowboy sobre o cavalo! Além disso, boa sacada dela ao falar que o dragão é da família do jacaré... Eles têm muitas semelhanças! hahaha
Abraço, professor!