terça-feira, 27 de abril de 2010

Bloqueio criativo

Devo admitir, aos gentis visitantes deste blog, que já faz algum tempo que ando preocupado com algumas questões da vida, variadas e importantes, algumas delas urgentes. Com isso, minha atenção ao blog decaiu drasticamente, como todos puderam constatar. Nada definitivo. Penso, inclusive, que isso seja um sentimento momentâneo. Com um pouco mais de foco, as coisas por aqui podem voltar ao nível de antes, como espero.
Nos últimos dias, aconteceram alguns fatos que me inspiraram a escrever, porém razões diversas acabaram por me dissuadir da ideia. Não quis expor pessoas relacionadas a esses acontecimentos. nem promover fatos que não mereciam tanta atenção. Em alguns casos, o motivo de minha desistência esteve relacionado à preservação da imagem do próprio blog, que poderia sair comprometida se eu escrevesse, p. ex., sobre a inacreditável conversa que tive, com algumas pessoas, sobre a utilização das mãos.
Enfim, não têm sido dias ruins. Pelo contrário, alguns têm sido bastante divertidos, mas nem tudo se pode compartilhar.
O fato é que continuamos por aqui. Nos próximos dias, se Deus quiser, com mais qualidade.

5 comentários:

Tanto disse...

Conheço o blogue faz pouco tempo, mas não vejo nenhuma queda de qualidade. Ou serei eu pouco criterioso? Mas bem... Como sempre, tenho achado um blogue muitíssimo bom.

Ana Miranda disse...

Eh...eh...eh...
Tenho um monte de sugestões para coisas maravilhosas que as mãos podem fazer.
Algumas impublicáveis...
Por que será que você não publicou sua conversa sobre a utilização das mãos?
Era tudo impublicável? Brincadeirinha...

Ana Miranda disse...

Ah, quanto ao seu blog, posso dizer que só melhora, pois se caísse a qualidade, eu desistiria de vir aqui todo dia.
Quanto a compartilhar tudo, que mal tem???
Compartilha sim, vai???!!!

Yúdice Andrade disse...

Vai ver que é porque não acompanhaste a minha fase de maior produtividade, Fernando. Eu ando muito lento, sem dúvida.

A conversa que tive não era exatamente sobre sugestões do que fazer com as mãos, Ana. Mas era um papo que não deveria ser escrito num blog lido por alunos.
No mais, espero que não desistas de mim.

Carlos Thiago disse...

Nossa!

"a inacreditável conversa que tive, com algumas pessoas, sobre a utilização das mãos."

hehehe.

Complicado mesmo!

Esse mereceu até uma saída da inércia e um breve comentário.

Abraços Yúdice. Espero que continue a todo vapor com o Blog. Uma dos poucos espaços que merecem atenção no cenário local.